segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Paulo Câmara sobre apoio a Lula: ‘Unimos as esquerdas de Pernambuco’

Paulo defende que é preciso ‘resgatar’ as prioridades defendidas pela gestão federal do PT entre 2003 e 2011
JC Online / Sérgio Bernardo/JC Imagem
No lançamento da coligação da Frente Popular, neste domingo (5), no Recife, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), fez questão de confirmar o apoio da chapa à candidatura presidencial de Lula, justificando que está na hora de resgatar as prioridades defendidas PT, quando o ex-presidente esteve à frente do governo Federal entre os anos de 2003 e 2011. O socialista ainda criticou a atual gestão do Governo Temer afirmando que o atual presidente “não olha para os estados mais pobres”.
“Unimos a esquerda de Pernambuco e agora vamos trabalhar por um Estado mais justo, mais igual”, defendeu. Questionado sobre as propostas para os próximos quatro anos, Paulo explicou que as de 2014 (quando concorreu ao cargo do Executivo) ainda são muito válidas para o Estado, visto que a crise no Brasil os teria impedido de concretizá-las.
“Temos muito o que fazer por Pernambuco e vamos fazer um debate com transparência falando o que tem que ser dito, dizendo o que conseguimos fazer nos últimos anos e o que a gente pretende para os próximos quatro anos”, explicou.
coligação Frente Popular anunciou, neste domingo (05), sua chapa majoritária, que será encabeçada pelo atual governador Paulo Câmara (PSB), com a deputada federal Luciana Santos (PCdoB), na vice, o deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB) e o senador Humberto Costa (PT) concorrendo às vagas ao Senado. A convenção estadual do PSB ocorreu no Clube Internacional do Recife. A coligação é formada por PSB, PT, MDB, PCdoB, PSD, PR, PP, Solidariedade, PPL, PMN, Patriotas e PRP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário