Câmara de Araripina

Câmara de Araripina

UNICLINIC DO ARARIPE

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Aposentados e pensionistas recebem


José Ivaldo, presidente do Arariprev

José Ivaldo presidente da ARARIPREV

O presidente do Arariprev, José Ivaldo, informou que o pagamento do 13º salário dos aposentados e pensionistas está sendo efetuado nesta sexta-feira (19). Ele enfatizou que o dinheiro já está disponível nas contas dos beneficiários do Arariprev.
“Todos os beneficiários do Arariprev podem se dirigir até a Caixa Econômica Federal, pois o pagamento relativo ao 13º salário já está creditado em suas contas”, informou José Ivaldo, acrescentando que mesmo diante das dificuldades que passam os municípios brasileiros, o prefeito Alexandre Arraes (PSB) tem cumprido rigorosamente o compromisso com os aposentados e pensionistas e os servidores do município.

Termina nesta sexta prazo para pagamento da 2ª parcela do 13º

Têm direito todos os trabalhadores do serviço público e da iniciativa privada.
O pagamento é feito com base no salário de dezembro.

Restrição de saques visa coibir compra de votos, segundo juíza eleitoral (Foto: Divulgação/TRE-RR)Pagamento do 13º deve injetar R$ 158 bilhões
na economia (Foto: Divulgação)
Termina nesta sexta-feira (19) o prazo para que as empresas paguem aos seus funcionários a segunda parcela do 13º salário. O pagamento é feito com base no salário de dezembro, exceto no caso de empregados que recebem salários variáveis, por meio de comissões ou percentagens – nesse caso, o 13º deve perfazer a média anual de salários. O prazo para o pagamento da primeira parcela terminou no dia 28 de novembro.
O Imposto de Renda e o desconto do INSS incidem sobre o 13º salário. Os descontos ocorrem sobre o valor integral do 13º salário na segunda parcela. O FGTS é devido tanto na primeira como na segunda parcela.
O pagamento do 13° salário deve injetar R$ 158 bilhões na economia, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). O número de pessoas com direito ao benefício soma 84,7 milhões, dos quais 61,4% são empregados formais (52 milhões de pessoas) e 38,6% (32,7 milhões) são aposentados ou pensionistas da Previdência Social.

Quem tem direito
Têm direito ao 13º salário todos os trabalhadores do serviço público e da iniciativa privada, urbano ou rural, avulso e doméstico, além dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

Os trabalhadores que possuem menos de um ano na empresa também têm direito ao 13º salário. Nesse caso, o pagamento será proporcional aos meses em que tenham trabalhado por mais de 15 dias. Por exemplo, um empregado que trabalhou por seis meses e 15 dias deverá receber 7/12 de seu salário a título de 13º.
Caso o empregador não respeite o prazo do pagamento, será autuado no momento em que houver fiscalização, o que gerará uma multa.
As horas extras e o adicional noturno geram reflexos no 13º salário e devem incidir na base de cálculo dessas verbas. Gorjetas e comissões também devem entrar na base de cálculo do 13º salário, assim como adicionais de insalubridade e de periculosidade. Já as diárias de viagem só influem na base de cálculo do 13º se excederem 50% do salário recebido pelo empregado.
As faltas não justificadas pelo empregado, ocorridas entre 1 de janeiro e 31 de dezembro de cada ano, serão consideradas para desconto. Caso sejam superiores a 15 dias dentro do mesmo mês, o empregado perderá o direito a 1/12 do 13º salário.
O empregado afastado por motivo de auxílio-doença recebe o 13º salário proporcional da empresa até os primeiros 15 dias de afastamento. Já a partir do 16º dia, a responsabilidade do pagamento fica a cargo do INSS. Funcionárias em licença-maternidade também recebem 13º salário. Dessa forma, o empregador efetuará o pagamento integral e/ou proporcional (quando admitidas no decorrer do ano) do 13º salário.
O trabalhador temporário tem direito ao 13º salário proporcional aos meses trabalhados.
Já o estagiário, como não é regido pela CLT e nem é considerado empregado, a lei que regula esse tipo de trabalho - 11.788/08 - não obriga o pagamento de 13º salário.
O empregado despedido com justa causa não tem direito ao 13º salário proporcional. Se a rescisão do contrato for sem justa causa, o 13º deve ser pago de maneira proporcional, na base de 1/12 por mês, considerando-se como mês integral aquele que ultrapassar 15 dias de trabalho.

Domésticos
Com a regulamentação da legislação trabalhista para funcionários domésticos, eles também devem receber o 13º. Na segunda parcela, são acrescidas as médias das horas extras trabalhadas.

Supondo-se que o empregado realizou 200 horas extras de janeiro a novembro, divide-se 200 por 11 (meses) e chega-se à média de 18,18 horas por mês. Então calcula-se o valor da hora extra trabalhada, que se refere ao salário do empregado dividido por 220 horas, que é a jornada mensal prevista na lei. Como a lei prevê que é preciso pagar um adicional de 50% sobre o valor da hora extra trabalhada, é necessário multiplicar esse valor por 1,5.

Cautela nos gastos
De acordo com pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e do Portal Meu Bolso Feliz, 80% dos consumidores pretendem gastar parte ou todo o seu 13º salário em compras de Natal. Somente 46% entre os que não vão gastá-lo com as festas planejam poupá-lo ou investi-lo e 21% usarão o dinheiro para quitar dívidas e organizar finanças. "Este dinheiro que está 'sobrando' e que, frente às tentadoras promoções de Natal, acaba sendo usado para compras, poderia ser poupado e aplicado, virando um recurso para situações de emergência financeira ou mesmo para realizar um sonho a longo prazo", diz o educador financeiro do Portal Meu Bolso Feliz, José Vignoli.

Para Vignoli, o ideal é que as compras de Natal caibam no orçamento de dezembro sem mexer no salário extra. Se não for possível, ele recomenda não gastar além de 20% do 13º.

De acordo com ele, aproveitar o 13º de forma inteligente não significa necessariamente abandonar as compras de Natal. "É possível gastar parte do valor em presentes e comemorações. O consumidor só precisa lembrar que, se possui dívidas, o melhor é quitá-las, garantindo uma maior tranquilidade financeira no ano que chega." Vignoli lembra que há IPVA, IPTU e material escolar a serem pagos no começo do ano e que podem ser quitados com a ajuda do 13º. “Então, antes de correr para o shopping, reserve a quantia necessária para cobrir essas despesas sazonais.”

PSDB registra pedido de cassação de Dilma

O PSDB e a coligação Muda Brasil pediram, nesta quinta-feira (18), a cassação do registro de candidatura e da diplomação da presidente Dilma Rousseff (PT) e do seu vice, Michel Temer (PMDB). Na ação enviada ao TSE, os tucanos acusam o PT de utilizar a máquina administrativa e abusar do poder econômico.
Diante disso o PSDB solicitou que o TSE diplome, para os cargos, Aécio Neves e Aloysio Nunes, candidatos a presidente e vice. Ainda no texto, os tucanos mencionam desvios que, na avaliação do partido, o PT comprometeu a legitimidade das eleições. Segundo a legenda, os petistas fazia convocações “imprecisas” nas redes de rádio e televisão para pronunciamento e manipulação de indicadores econômicos.
Ainda na ação, os tucanos dizem que foram praticados vários atos ilícitos durante a campanha que visava “garantir o êxito do projeto reeleitoral dos investigados”. O documento ainda cita uma declaração da presidente Dilma Rousseff que teria dito, durante um evento no município de João Pessoa, no Estado da Paraíba, que “nós podemos fazer o diabo quando é a hora da eleição”.

Petrobras: 30 deputados e senadores investigados

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pedirá em fevereiro de 2015 investigação contra cerca de 30 deputados e senadores por envolvimento nas irregularidades na Petrobras que são alvo da operação “lava jato”. Os pedidos ocorrerão só em fevereiro porque, antes, é necessário homologar a delação premiada do doleiro Alberto Youssef, um dos operadores do esquema criminoso.
Janot enviou ao Supremo Tribunal Federal os documentos relacionados à delação e, agora, espera que o ministro Teori Zavascki, relator do caso, decida sobre a homologação.

juiz obriga Twitter a revelar quem ligou Aécio a droga

 A Justiça de São Paulo determinou a quebra dos sigilos cadastrais e eletrônicos de 20 usuários do Twitter que vincularam o senador Aécio Neves (PSDB-MG) a práticas criminosas e consumo de drogas. Os advogados do tucano agora terão acesso aos dados desses usuários, o que possibilitaria a identificação e pedido de punição individual.
A decisão, do último dia 12, atende a pedido feito pelo tucano durante a eleição. Na ação, Aécio requisitava acesso a dados de 66 usuários da rede social. O próprio tucano retirou, depois, 11 nomes do processo. Dos mencionados como "caluniadores" e "detratores", 35 foram isentados de culpa pelo juiz Helmer Augusto Toqueton Amaral.
"Inegável que nossa Carta Magna garante expressamente o direito à liberdade de expressão e a livre manifestação do pensamento", diz o juiz no início da sentença.  "Ocorre que, ao passo que nossa Constituição prestigia os direitos supramencionados, ela também reconhece a importância da inviolabilidade da intimidade, da vida privada, da honra e da imagem das pessoas, assegurando o direito à indenização caso ocorra alguma violação a tais garantias", conclui Amaral.
Os advogados de Aécio, por sua vez, argumentaram que os usuários formam uma "rede" paga por adversários para disseminar conteúdo difamatório nas redes sociais.(Daniela Lima e Alexandre Aragão)

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

"MENSAGEM DO VEREADOR DEVAL DE GERGELIM"

Ao término deste ano, quando os sentimentos de fé e esperança se renovam, agradeço a você, seus familiares e amigos que, com seu voto me deram a oportunidade de representar esta terra tão maravilhosa. Sinto-me privilegiado por contar com sua amizade e confiança.
Como 
representante na Câmara de Vereadores de nossa cidade, desejo que as alegrias do Natal e das Festas de Ano Novo, se estendam por todos os dias de 2015, com muita saúde e prosperidades para todos os Araripinenses 
Acreditem que sempre há alguém que 
aposta no bem comum, que é possível se legislar com simplicidade, coerência levando a política a sério. Assim, o mérito é de cada um que colaborou, e a Vitória é de todos. Por isso, com o coração cheio de gratidão, suplico a Deus, para que o Natal e o Ano Novo que se aproximam, fortaleça em nós a decisão de se lutar cada vez mais por um mundo mais justo, mais fraterno e cheio de PAZ.
UM 
FELIZ NATAL E UM PRÓSPERO ANO NOVO!!!
São os sinceros votos do vereador e amigo Deval de Gergelim...

Bancada da bala quer armar mais a população

 Na tentativa de barrar o projeto de lei que revoga o Estatuto do Desarmamento, ativistas da ONG Sou da Paz recorreram aos ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em busca do apoio de diferentes setores. Nesta tarde, o grupo divulgará um material em que reúne posicionamentos recentes de ambos os políticos, favoráveis à política de desarmamento, em vigor desde 2003.
Se aprovado, o PL 3722/2012 tornará automática a concessão do porte de armas para quem cumprir as exigências legais e permitirá que as pessoas voltem a circular armadas pelas ruas. A iniciativa é de autoria do deputado Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), com apoio da bancada da bala.
O objetivo dos ativistas e dos parlamentares contrários à revogação do estatuto é impedir que a votação ocorra antes do fim desta legislatura, para que o projeto seja arquivado e tenha de ser rediscutido no próximo ano.(Do blog Poder Online - Mel Bleil Gallo)

Advogados estrangeiros vêm faturar com a Lava Jato

 A operação "lava jato" movimenta a ponte aérea de advogados. É o caso do americano Richard Craig Smith, ex-procurador do Departamento de Justiça dos EUA, que veio ao Brasil prospectar clientes. Smith foi inclusive ao escritório de uma empreiteira, no Rio de Janeiro, que, pelo menos por enquanto, não foi indiciada pela Justiça.
A bandeirada de um advogado desse porte, que só pode atuar aqui em parceria com um escritório brasileiro, custa uns US$ 4 mil por hora. As informações são do colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo.

Praças de Araripina em clima natalino


As praças de Araripina estão recebendo decoração com motivos natalinos,dando um toque especial ao mês  que representa o nascimento do menino jesus para os cristãos. 

Mesmo com toda dificuldade financeira, que passam as prefeituras, o prefeito Alexandre Arraes, não podia deixar Araripina, de entrar no clima natalino e incorporar o verdadeiro clima de natal.

Os enfeites começaram a ser colocados ontem (17).





quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

OPERAÇÃO PRENDE EMPRESÁRIOS DO POLO GESSEIRO DE PE POR SONEGAÇÃO

De acordo com Kerhle, fábricas estavam registradas em Pernambuco e no Ceará. (Foto: Marina Barbosa / G1)
De acordo com Kerhle, fábricas estavam registradas em
Pernambuco e no Ceará. (Foto: Marina Barbosa / G1)
A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou a Operação Pedra Branca na manhã desta quarta-feira (17), para desarticular um esquema de sonegação fiscal que agia no polo gesseiro do Araripe, no interior do Estado. Até o final da manhã, foram presos nove empresários que utilizavam notas fiscais falsas para sonegar os impostos relativos ao comércio do gesso. Nos últimos três meses, pelo menos R$ 100 milhões de impostos deixaram de ser arrecadados pela organização criminosa.
Batizada de Pedra Branca, a operação pretendia cumprir 11 mandados de prisão e 26 mandados de busca e apreensão em três cidades do Sertão pernambucano – Araripina, Ipubi e Trindade. No final da manhã, nove pessoas haviam sido presas e todos os mandados de busca e apreensão foram cumpridos. Os policiais continuam em diligência para encontrar os outros dois suspeitos. Os mandados de prisão foram expedidos pela Delegacia de Combate aos Crimes contra a Ordem Tributária (Deccot).
Segundo o diretor de polícia especializada, Joselito Kerhle, foram presos os donos das empresas acusadas de sonegação fiscal e os homens que cederam os dados para a criação desses estabelecimentos, os chamados laranjas. “Com os dados pessoais de laranjas, foram criadas empresas que deixavam de recolher tributos estaduais através do lançamento de notas fiscais falsas”, explica o delegado. As empresas atuavam na extração de gipsita das minas do polo gesseiro do Araripe e vendiam o gesso produzido com o material em todo o Brasil com as notas fiscais falsas.
Ainda segundo Kerhle, as fábricas são registradas nos estados de Pernambuco e do Ceará, mas todos os presos estavam em Pernambuco. A polícia ainda investiga o envolvimento de menores na fraude. Parte dos documentos falsos também foi apreendida na operação desta quarta-feira. Além das notas fiscais, os policiais encontraram os documentos pessoais e os computadores utilizados pelos empresários para falsificar as notas, ao revistar os escritórios das firmas investigadas.
Todos os presos prestaram depoimento na Delegacia de Araripina e foram encaminhados à prisão da cidade do interior pernambucano. Além da sonegação fiscal, eles vão responder por falsidade ideológica e documental, corrupção de menores e formação de quadrilha. O envolvimento de cada um dos presos e a possível participação dos menores só será revelada na quinta-feira (18). Na ocasião, também será liberado o balanço total da operação.
As investigações que resultaram na prisão dos empresários começaram há três meses, em uma parceria entre Delegacia de Combate aos Crimes contra a Ordem Tributária e a Secretaria da Fazenda de Pernambuco.
“O trabalho começou depois de percebermos que o montante de gesso comercializado não batia com os impostos recolhidos, já que grande parte estava sendo sonegado através de notas fiscais falsas”, explicou o diretor de polícia especializada. As investigações foram comandadas pelo delegado Francisco Rodrigues, da Deccot. A operação deflagrada nesta manhã contou com a participação de 120 policiais civis, 50 auditores da Secretaria da Fazenda e 12 policiais militares. (Globo Nordeste)

Araripina, 13º começa a ser pago hoje


A Prefeitura Municipal de Araripina desenvolveu um calendário para efetuar o pagamento do 13º salário de todos os servidores, cumprindo com isso o que preconiza a Lei Trabalhista. A partir desta quarta-feira (17), os servidores lotados na Secretaria Municipal de Saúde estão tendo creditados em suas contas o 13º salário.
A programação de pagamento segue até sexta-feira (19) para todas as pastas daadministração municipal. Mesmo diante das dificuldades que passam os municípios brasileiros por conta da redução drástica dos repasses compulsórios do governo federal, a Prefeitura de Araripina vai honrar o pagamento do 13º salário dos servidores em virtude de ter tomado medidas necessárias para diminuir os gastos públicos.

Dilma sanciona lei que dribla meta fiscal

Base aliada concluiu na semana passada a votação do projeto de lei que flexibiliza a meta do superávit primário

A presidente Dilma Rousseff (PT) sancionou a lei que muda o cálculo do superávit primário, tema que foi alvo de intensos debates, após o governo admitir que não conseguiria cumprir com a economia feita para o pagamento de juros da dívida pública. O texto prevê o abatimento no resultado fiscal de todos os gastos feitos a partir de desonerações de tributos e do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A medida foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU) e entra em vigor nesta terça-feira.
A base aliada concluiu na noite da terça-feira da semana passada a votação do projeto de lei que flexibiliza a meta do superávit primário. A matéria era prioridade para o Planalto, que queria evitar uma responsabilização de Dilma pelo descumprimento da meta que constava na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) deste ano, de 49 bilhões de reais.

A sessão de terça foi muito menos tensa do que as duas reuniões na semana anterior, quando manifestantes e parlamentares entraram em confronto com seguranças do Senado nas galerias e foram necessárias mais de 18 horas de discussões para votar o texto-base do projeto. As galerias foram mantidas fechadas ao público, mas do lado de fora do Congresso houve um apitaço contra as mudanças nas regras da política fiscal. Um grupo espalhou cruzes em frente ao edifício do Congresso, cada uma com nomes de parlamentares que apoiaram o governo.
A conta pela aprovação do texto já foi apresentada à presidente. Principal fiador da aprovação da mudança da meta fiscal, o presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), levou na quinta-feira da semana passada ao Planalto a "fatura" do PMDB do Senado na reforma ministerial para o próximo mandato da petista. Em conversa privada, ele defendeu que a bancada seja contemplada com dois ministérios de peso político, sem apresentar nomes.

Nota de Pesar

O Prefeito de Araripina Alexandre Arraes manifesta o seu mais profundo pesar pelo falecimento do funcionário Josanildo Sena Dias, 49 anos, ocorrido nesta terça-feira, 16 de dezembro. Desde abril de 2013, Josanildo trabalhava como vigia no prédio da sede
O servidor estava voltando para sua residência, quando, na tarde desta terça-feira, sofreu um acidente automobilístico na BR 316 vindo a falecer.
"Neste momento de dor, a Administração Municipal e todos os companheiros de trabalho  se solidarizam com familiares e amigos".
Segundo o prefeito Alexandre Arraes, " Josanildo sempre foi muito dedicado e solícito no trabalho. Sua morte prematura representa uma grande perda para a família e para o serviço público".
Josanildo era casado  deixa esposa, filhos e netos

Mensagem da UNICLINIC DO ARARIPE - A maior e mais moderna clinica da região do Araripe

Uniclinic do Araripe, e toda sua equipe como um todo, de maneira especial, vem agradecer ao povo de Araripina que acolheu tão bem esse audacioso projeto de construir em nosso município a maior clinica da região do Araripe.
A todos os clientes que nos deram a honra de serem atendido pela a nossa equipe, que acreditaram em nós e durante este ano caminharam conosco, mesmo diante das dificuldades, 
com sabedoria, esperança, fé, união e trabalho, fomos capazes de encontrar uma solução para amenizar a crise.

Unidos nos tornamos fortes para conquistar e realizar nossas metas.
Por isso a nossa equipe deseja aos clientes e amigos um natal cheio de amor, paz, alegria e boas festas.

Que o ano vindouro possa trazer, saúde, desenvolvimento, realização de novos planos e projetos.

 Feliz Natal e Prospero Ano Novo! São os Votos de Dr. Ryan Lacerda, Dr. Valmir Filho, e todos que fazem a UNICLINIC DO ARARIPE...


"HOJE QUEM APAGA AS VELINHAS É SEU HUMBERTO BERTINO, PARABÉNS"

Hoje é um dia especial para você, hoje você comemora mais um ano de vida, mais um ano de existência e de experiências. Hoje, as luzes do céu e as bênçãos do Senhor recaem sobre você. É dia de reafirmar a sua missão, a sua fé e o seu compromisso com a vida e com o bem.

Os seus familiares e amigos enviam para você energias e pensamentos positivos. Há boas vibrações para você, há luz e amor ao seu redor. Aproveite este momento mágico da vida e peça a Deus proteção, peça a Deus para lhe guiar e tomar conta dos seus caminhos, peça a Deus para segurar na sua mão enquanto você escreve a sua história. Agradeço por tudo o que você já viveu.

Aproveite o dia de hoje, viva-o com entusiasmo, alegria e humildade. Você é especial aos olhos de Deus e aos olhos de todos aqueles que lhe amam. Que Deus derrame o seu amor sobre você.

Parabéns e muitas felicidades! O Amigo HUMBERTO BERTINO...

FBC não terá “responsabilidade política” com o governo de Paulo Câmara



O senador eleito Fernando Bezerra Coelho (PSB) disse ao prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), que foi seu assessor na Prefeitura de Petrolina, que não terá responsabilidade política com o governo de Paulo Câmara (PSB) por não ter sido consultado sobre a montagem do secretariado.
O senador tentou indicar o deputado Fernando Filho (PSB) para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, mas não conseguiu.
Como segunda opção, indicou um técnico de sua confiança, mas Paulo Câmara também não aceitou.
Convidou para o comando da pasta o ex-procurador geral do Estado, Thiago Arraes de Alencar Norões, demitido há 15 dias pelo governador João Lyra Neto.
Inconformado com o “escanteio”, Fernando Bezerra Coelho selou seu rompimento com o futuro governo por meio da nota abaixo:
I) Desde o início dos trabalhos da equipe de transição que irá governar Pernambuco, mantive a expectativa de ser chamado, no momento oportuno, para opinar sobre a formação da nova gestão. Acreditando que, com a experiência acumulada de quem já foi prefeito, secretário estadual em três gestões, deputado estadual, federal e ministro, teria colaborações a oferecer neste momento tão importante.
II) Uma conversa chegou a ser marcada para a última quinta-feira, depois remarcada para o sábado. Nesta reunião, em que não me foi solicitada opinião sobre a nova estrutura de governo e a formação da sua equipe, o governador eleito Paulo Câmara me pediu que indicasse um nome de perfil técnico para liderar a secretaria de Desenvolvimento Econômico, no que foi prontamente atendido.
III) Na madrugada desta segunda feira, porém, recebi mensagem do governador comunicando a sua escolha por um novo nome. Manifestei, também por mensagem, o meu desconforto.
IV) Tomei a iniciativa de registrar as minhas opiniões ao prefeito Geraldo Júlio sobre este processo que hoje se encerra.
V) Como senador eleito de Pernambuco, estou determinado a trabalhar pelos interesses do nosso Estado e me coloco à disposição, dentro da minha área de atuação parlamentar, para colaborar com o governo que se inicia, desejando todo o sucesso para a nova equipe.
Fernando Bezerra Coelho

Acusado de mandar matar promotor Thiago Faria fala pela primeira vez após prisão

José Maria Rosendo afirma estranhar o fato de a investigação não ter chegado à noiva da vítima

Da editoria de Cidades


Foto: Rodrigo Carvalho/JC Imagem

Na primeira entrevista que concedeu, desde que se entregou à Polícia Federal (PF), no dia 28 de outubro passado, o fazendeiro José Maria Pedro Rosendo Barbosa, acusado de ser o mandante da morte do promotor Thiago Faria Barbosa, em outubro de 2013, afirmou que é inocente. Em sua fala mais contundente, José Maria sugeriu que a então noiva do promotor, Mysheva Martins, estaria sendo “blindada por gente muito forte” da região de Águas Belas e Itaíba, no Agreste do Estado, e que achava estranho o fato de a investigação não ter chegado a ela.
José Maria e outros dois acusados de participação no assassinato de Thiago Faria prestaram depoimento durante todo o dia de hoje, na sede da PF, no Cais do Apolo, área central do Recife. José Marisvaldo Vitor da Silva, preso no dia 29 de outubro, na Bahia, e José Maria Cavalcanti Domingos, detido no início do mês, em Buíque, no Agreste do Estado, não falaram com a imprensa.
José Maria Rosendo alegou que toda a região de Itaíba, Águas Belas e Buíque sabe de sua inocência, bem como quem são os culpados pela execução do promotor. “Não posso dar nomes, a investigação é que tem que dizer”, esquivou-se. O fazendeiro também afirmou que não existem contradições em seu depoimento. “Perguntei ao delegado se havia alguma mentira em meus depoimentos desde que me entreguei, e ele ficou calado.”

O advogado de Mysheva Martins, José Augusto Branco, afirma que ela não tem que se defender de nada. “Mysheva é tão vítima quanto Thiago, e quem diz isso é a investigação. Que pessoas seriam essas que conseguiriam blindá-la, inclusive da Polícia Federal?”, questiona. Para Branco, José Maria Rosendo quer confundir a opinião pública, na tentativa de influenciar o futuro júri do julgamento do caso. “É a tática da mentira repetida mil vezes, até que se torne uma verdade. Mas, nesse caso, não vai”, completa.

Segundo o superintendente da Polícia Federal em Pernambuco, Marcello Diniz, as investigações devem ser concluídas até o final do ano, e há novos elementos que depõem contra os acusados. “Descobrimos provas que não constavam na investigação da Polícia Civil. Nosso trabalho está se afunilando”, afirma.

A reconstituição tridimensional do assassinato de Thiago Faria, morto a tiros na PE-300, continua sendo feita por peritos do Instituto Nacional de Criminalística (INC), órgão da PF sediado em Brasília. Os peritos estão em Pernambuco trabalhando na montagem do gráfico, que deverá ficar pronto em três meses. A reconstituição em 3D deverá ser usada no julgamento, uma vez que ficará pronta após o final das investigações.
Ainda segundo o superintendente, a Polícia Federal está procedendo outra perícia – sigilosa – que deve ser de grande valor na elucidação do crime. A prisão do quarto suspeito de participação, José Ivanílson, no último dia 6, na cidade de Parnamirim (RN), ajudou indiretamente nas investigações.
Ivanílson usava uma identidade falsa com o nome de Thiago Faria. “Não podemos divulgar de que forma, mas adianto que essa prisão foi valiosa para o desfecho do caso”, acrescenta Diniz.