Verde Vida Plantas e Jardins CLICK E CONFIRA

ELIAS GONÇALVES

ELIAS GONÇALVES

Câmara de Araripina

Câmara de Araripina

UNICLINIC DO ARARIPE

sexta-feira, 3 de julho de 2015

DELEGACIA DE ARARIPINA ADERE A PARALISAÇÃO DE 24 HORAS

Os delegados e policiais civis de Araripina e de todo o estado paralisaram  suas atividades por 24 horas, na capital estão realizando em frente ao Palácio do Campo das Princesas, sede do governo do estado, o enterro simbólico do programa Pacto pela Vida. Com direito a caixão e cora de flores, os trabalhadores denunciam a manipulação de números para apontar uma redução da criminalidade e cobram, além de melhores condições de trabalho, a reestruturação das carreiras apontadas como as que têm os piores salários do país.

Na ocasião, os profissionais também farão a entrega simbólica das jornadas extraordinárias de trabalho. Segundo eles, os plantões do Programa de Jornada Extra de Segurança (PJES) não conduziam com as condições mínimas necessárias para o bom trabalho. A decisão foi tomada durante assembleia conjunta entre o Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol) e a Associação dos Delegados da Polícia do Estado de Pernambuco (Adeppe), no dia 26 de junho. Cerca de 90% dos policiais e mais de 240 delegados já aderiram ao gesto.

Depois de se concentrarem por volta das 8h30 em frente ao prédio da Secretaria de Planejamento (Seplag), na Rua da Aurora, os manifestantes seguiram em passeata até o Palácio, passando pelo Parque Treze de Maio e Avenida Conde da Boa Vista, onde o trânsito travou. A chuva não intimidou o cortejo, acompanhado com faixas e carro de som.
A paralisação mantém os expedientes no Instituto de Medicina Legal (IML), flagrantes levados até delegacias e investigações em locais de homicídios. Não serão realizados serviços como emissão de documentos, registros de boletins de ocorrências, atividades no Instituto de Criminalística (IC), nas unidades do Expresso Cidadão e no Instituto de Identificação Tavares Buril (IITB). Há três meses, vários atos e paralisações vêm sendo realizados com o mesmo propósito.

Os delegados alegam que as negociações com o governo do estado não trouxeram avanços. Entre as reivindicações estão melhores condições de trabalho e uma reestruturação da carreira, que hoje tem o pior salários do país. Na concentração, o presidente do Sinpol, Aureo Cisneiros, disse que a classe reafirma o compromisso em atuar pela segurança dos cidadãos, desde que tenha condições e remuneração justa.

Com informações dos repórteres Thaís Arruda e Mhatteus Sampaio, da TV Clube


DIÁRIO DE PERNAMBUCO

Unidade básica de saúde da lagoa de dentro será inaugurada nesta sexta feira

psf - lagoa de dentro


Na próxima sexta-feira, 03, o prefeito Alexandre Arraes estará entregando mais uma Unidade Básica de Saúde à população de Araripina. Desta feita a comunidade beneficiada é a Lagoa de Dentro e adjacências.
O equipamento foi construído atendendo a todos os requisitos de modernidade e é equipado com uma grande estrutura para poder atender aos moradores da Lagoa de Dentro e comunidades vizinhas.
É mais uma importante obra da administração municipal que trará grandes benefícios à população, sobretudo no atendimento á atenção básica de saúde e na prevenção. A Unidade Básica de Saúde tem um amplo espaço para acomodar bem a todos os pacientes e no local terá atendimento médico/odontológico; apoio de enfermeiras (os) e técnicas (os) de enfermagem, além de vacinação e outros serviços para atender a população.
A inauguração será nesta sexta-feira a partir das 19 horas e o Secretário de Saúde, Aírton Lage, disse que será um importante momento uma vez que estará sendo entregue à população um equipamento que vai tratar da prevenção de saúde e da atenção básica.
ACE - PE

quinta-feira, 2 de julho de 2015

ORIENTADORES DE TRÂNSITO RECEBEM NOVO FARDAMENTO

Na manhã desta quinta-feira, 02, a Autarquia de Trânsito de Araripina – ATTA, promoveu a entrega dos novos fardamentos aos orientadores de trânsito que trabalham nas ruas do município promovendo a organização da mobilidade urbana. Todos receberam um fardamento completo com coletes reflexivos, calça e botas. Com isso, serão melhor identificados pelos condutores de veículos e a população.

O prefeito Alexandre Arraes esteve na ATTA entregando os novos fardamentos aos orientadores de trânsito. Ele estava acompanhado da primeira-dama e Assessora Especial do Governo do Estado, Roberta Arraes; dos Diretores da entidade, Sebastião Arrais e Sargento Alonso Pereira; do Secretário de Saúde, Airton Lage; do coordenador do Detran, Bruno Oliveira. Participaram ainda do ato, o presidente da Associação dos Mototaxistas de Araripina, Francisco e os servidores da ATA.

Na ocasião, o prefeito Alexandre Arraes reforçou o compromisso de continuar trabalhando para melhorar o trânsito de Araripina e a mobilidade urbana. Ele ressaltou a importância dos orientadores que têm a função notadamente de promover um trabalho de conscientização e educação para com isso termos um trânsito cada dia melhor.

Alexandre destacou os avanços que tivemos nos últimos anos na melhoria do trânsito da cidade, oportunidade em que destacou o trabalho feito pelos orientadores. O prefeito também citou que a cada dia a equipe da ATTA e os órgãos parceiros buscam melhorar o trabalho com o objetivo de atingir a plenitude da municipalização do trânsito. “Temos feito todos os esforços para melhorar o trânsito e a mobilidade urbana promovendo ações e executando um trabalho importante para esse fim. Avançamos muito com a instalação de semáforos, mudanças de rotas e principalmente com a criação dos orientadores de trânsito. O nosso trabalho continua muito forte para chegarmos a municipalização plena do trânsito”, disse o prefeito.

ACE – PMA/ Fotos: Dante Arruda

terça-feira, 30 de junho de 2015

O CARA DE PAU Lula manda PT peitar oposição com radicalismo

Do Portal G1
Em reunião de quase quatro horas com deputados e senadores petistas em Brasília, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cobrou nesta segunda-feira (29) união das bancadas do partido e  reação "coletiva” dos parlamentares aos ataques e críticas da oposição “com o mesmo radicalismo” dos opositores, segundo o relato de líderes do partido.

O encontro desta segunda com parlamentares, em um centro de convenções em Brasília, foi agendado a pedido de Lula, depois do mal-estar gerado na semana passada pelas declarações do ex-presidente de que o partido está “abaixo do volume morto” e que precisava se reinventar. Para evitar vazamentos na reunião desta segunda, deputados e senadores petistas deixaram celulares fora da sala onde ocorreu o encontro.
Questionado sobre como seria, na prática, a reação cobrada por Lula, o líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE), disse que a orientação é fazer disputa "no nível necessário". "[A orientação é] enfrentar a oposição com o mesmo radicalismo que eles nos enfrentam, fazermos a disputa política no nível que é necessário, para mostrarmos para a sociedade qual é o cerco que eles tentam montar contra o PT, sobretudo na criminalização do PT”, declarou.

O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), explicou que não se trata de ser “mal educados". De acordo com Costa, o partido não contesta “de forma adequada” o que ele chama de “cerco violentíssimo sobre o partido e o governo” feito pela imprensa em conjunto com a oposição.

“Sabemos que a grande mídia, juntamente com a oposição, monta um cerco violentíssimo sobre o nosso partido e o nosso governo e, muitas vezes, nós não fazemos o enfrentamento. Não é enfrentamento de agressão física ou verbal, mas dos argumentos, de forma adequada para vencer o debate político”, afirmou.

Críticas ao partido
Sobre as críticas feitas por Lula ao PT, José Guimarães minimizou o que ele chamou de “força de expressão” e garantiu que se trata de uma “página virada” e que “ninguém conseguirá separar o Lula do PT, nem Lula de Dilma”. “Ele falou: 'Isso foi uma reunião', [sobre] aquela questão do volume morto'. Mas isso é página virada, pensemos o futuro”, disse.

Segundo o líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), o ex-presidente também pediu mais união das bancadas para alinhar um discurso em defesa do partido. “O que precisa aqui é que o presidente Lula enfatizou na sua fala que é um pacto de uma ação conjunta das bancadas, Câmara e Senado, com o PT, com a estrutura partidária e o diálogo permanente com o governo”, disse.

Quem quer arriar Dilma? Oposição, Lula ou PT?

Ricardo Noblat
Admitir, ela não pode. Mas Dilma sente apertar o cerco em torno dela. De um lado, Lula. Do outro, a Operação Lava Jato, que investiga a roubalheira na Petrobras.
Por que não digo de um lado Lula e do outro o juiz Sérgio Moro?
Simples. A Polícia Federal investiga. O Ministério Público também. Moro prende e depois solta àqueles sujeitos à sua jurisdição.
Manda os outros que gozam de fórum privilegiado para o Supremo Tribunal Federal (STF). Que confere vistas ao Procurador Geral da República. Que se pronuncia a respeito.
Então cabe ao STF abrir inquérito ou não.
Assim, não se pode responsabilizar unicamente Moro pelo perigo que bate à porta de Dilma. É risível dizer que ele está a serviço do PSDB. E que avança por aqui a construção de um Estado policial.
A maioria dos ministros do STF foi nomeada por Lula e Dilma. Os mensaleiros foram condenados por eles.
É do presidente da República a indicação do Procurador Geral da República. Ao ministro da Justiça subordina-se a Polícia Federal.
De resto, foi Lula que nomeou os diretores da Petrobras envolvidos com corrupção. A um deles chamava de “Paulinho”. Tão eficiente quanto "o nosso Delúbio". Ou "Palocci, meu irmão".
Como se pode falar em Estado policial contra o PT enquanto o PT por meio do governo controlar de alguma forma o aparelho do Estado? Piada! E sem graça. Ou desespero.
São os desacertos do PT, de Lula e de Dilma que explicam o que eles sofrem no momento. E é o oportunismo descarado de Lula que explica também o sufoco a Dilma.
De olho na sucessão dela em 2018, Lula empurra Dilma para uma encruzilhada: ou ela escolhe o caminho da resignação às vontades dele ou o caminho que a levará a perder o poder antes do tempo, pelo bem ou pelo mal.
A essa altura, derrubar Dilma, a teimosa, a criatura ameaçada pelo criador, interessa mais a Lula do que à oposição.
O que de pior poderá acontecer a Lula é chegar à próxima eleição presidencial amarrado a um governo impopular que carrega sua impressão digital. Será derrota na certa. Ele nem se arriscará.

Dilma acusa o acusador

Bernardo Mello Franco - Folha de S.Paulo
Dilma Rousseff aderiu à tática de desqualificar os delatores do petrolão. É um truque antigo: em vez de esclarecer o conteúdo da acusação, ataca-se o acusador. Foi o que ela fez ao criticar o empreiteiro Ricardo Pessoa, que ajudou a bancar sua campanha, foi preso por corrupção e agora colabora com as investigações da Lava Jato.
A presidente está irritada. Nesta segunda, comparou o empresário a Joaquim Silvério dos Reis, o traidor da Inconfidência Mineira, e aos dedos-duros da ditadura militar. "Eu não respeito delator. Até porque eu estive presa na ditadura e sei o que é", afirmou, em Nova York.
O discurso afronta a história do Brasil e a inteligência do eleitor. Dilma não é Tiradentes, e o que seus aliados fizeram na Petrobras nada tem a ver com a luta dos inconfidentes. Da mesma forma, as investigações da Lava Jato não guardam semelhança com os abusos dos militares.
Os réus do petrolão respondem a processos na democracia. Alguns fecharam acordo com a Justiça para entregar outros criminosos em troca da redução de pena. O mecanismo é usado em diversos países para desmontar quadrilhas. Se mentir, o delator perde o direito ao benefício.
Dilma conhece bem a diferença, porque foi vítima de torturas na ditadura e sancionou, há menos de dois anos, a lei que estabeleceu as regras da colaboração premiada. Aliás, o texto deixa claro que ninguém pode ser condenado apenas com base no depoimento de réus confessos.
Ao atacar o empreiteiro que patrocinou sua eleição, a presidente deixou de explicar se as doações estavam ligadas a fraudes na Petrobras, como ele disse aos procuradores. Também ficou devendo um comentário sobre as menções a mais dois ministros de seu governo, os petistas Aloizio Mercadante e Edinho Silva.
Antes de o dono da UTC abrir o bico, quatro ex-ministros de Dilma já eram investigados na Lava Jato: Antonio Palocci, Gleisi Hoffmann, Edison Lobão e Mario Negromonte. 

segunda-feira, 29 de junho de 2015

EMPRESÁRIOS DO SETOR GESSEIRO REÚNEM-SE NA FIEPE PARA DEBATER PARCERIAS COM O PODER PÚBLICO

A Unidade Regional Sertão do Araripe da Federação das Indústrias de Pernambuco – FIEPE, sediou na manhã desta segunda-feira (29) uma reunião com empresários do setor gesseiro e integrantes do poder público para planejar a participação da indústria do gesso na Casa Cariri Mostra que acontecerá na cidade de Juazeiro do Norte – CE entre os dias 21 de julho a 16 de agosto.
O debate girou em torno do desenvolvimento de parcerias entre o setor gesseiro e as prefeituras das cidades que compõem o pólo – Araripina, Trindade, Ipubi e Ouricuri – através da participação do Consórcio Intermunicipal do Sertão do Araripe Pernambucano – CISAPE, que integra todas as cidades araripeanas. A união do setor público com o privado é fundamental para criar novas oportunidades de negócio e consequentemente estimular a geração de mais emprego e renda na região.
De acordo com a diretora da Unidade Sertão do Araripe da FIEPE, Ceissa Costa, o encontro foi muito positivo, pois diversas idéias foram debatidas na presença de empresários e agentes públicos como o prefeito de Araripina. “A FIEPE recebe com alegria todos aqueles que trabalham em prol do desenvolvimento da nossa região. As reuniões são decisivas para o surgimento de novas idéias e ações empresariais”, afirmou.
Para o prefeito de Araripina – PE, Alexandre Arraes(PSB) o poder público deve ser parceiro da indústria do gesso, especialmente neste momento em que todo o setor está empenhado em superar as dificuldades do mercado. Ele afirmou que trabalhará na articulação junto ao Governo do Estado de Pernambuco para garantir a presença de secretários de governo no evento. “Levaremos as demandas do setor para o Governador Paulo Câmara e também ao Secretário de Desenvolvimento Econômico, Thiago Norões e vamos garantir que representantes do Governo do Estado estejam presentes ao evento”, reforçou.
O empresário Aureliano Galvão, da AM Gesso, destacou a importância das parcerias e o apoio do poder público para o fortalecimento do setor gesseiro. Ele sugeriu a criação da Rota Turística do Gesso como forma de disseminar todo o potencial econômico da indústria gesseira e também o fortalecimento das instituições que atuam no Arranjo Produtivo Local do Gesso como a ASSOGESSO, SINDUSGESSO, SEBRAE, FIEPE e outros. “Todo o setor está empenhado em participar da Casa Cariri Mostra como forma de abrir novos mercados e também reforçar a principal economia da região do Araripe”, disse.
Por Jorge Possetti

SÃO JOÃO DE ARARIPINA SUCESSO ABSOLUTO

“Durante os cinco dias de festa o Parque 03 Vaqueiros recebeu recorde de público”
povo1povo
O São João 2015 já está dando saudades. Foi sucesso absoluto e o Parque 03 Vaqueiros ficou pequeno para o grande público que participou ativamente das cinco noites do maior e melhor festejo junino do interior de Pernambuco. Pelos palcos principais da festa passaram artistas de renome nacional que se aliaram as atrações locais para promover um São João que ficará marcado na história de Araripina.
safadãowesley
Gusttavo Lima, Wesley Safadão, Dorgival Dantas, Gabriel Diniz, Flávio Leandro, Fabíola Paiva, Mano Valter e outros foram as grandes atrações que fizeram o público dançar e festejar durante os dias de São João. Tendo ainda a participação de várias bandas.
Gusttavo Lima
Gusttavo Lima
Uma média diária de 50 mil pessoas participaram ativamente dos festejos juninos de Araripina, onde a tradição foi mantida e demonstrou a força do São João do município que mais uma vez atraiu a presença de muitos visitantes da região e de outros estados.
Gabriel Diniz
Gabriel Diniz
Fabíola Paiva
Fabíola Paiva
Foi um São João voltado para a alegria e a confraternização, recheado de muita paz, diversão e segurança. Apesar de poucos opositores terem trabalhado e torcido para a não realização do evento, a Prefeitura Municipal não mediu esforços para manter a nossa tradição e presentear o povo com uma grande festa à altura de Araripina.
Mano Walter
Mano Walter
O prefeito Alexandre Arraes e a primeira-dama Roberta Arraes participaram ativamente dos festejos juninos e aproveitaram a ocasião para destacar o sucesso do São João 2015. Alexandre enalteceu o trabalho de toda a equipe que esteve empenhada na organização do evento que foi considerado sucesso absoluto por todos que participaram.
prefeito1
Também uma oportunidade para o aquecimento do comércio local e do informal, onde todos saíram ganhando e comemoraram o sucesso nas vendas. O prefeito destacou ainda o trabalho dos parceiros – Policias Militar, Civil e Rodoviária Federal; Corpo de Bombeiros e demais órgãos – que contribuíram com o sucesso da festa.
prefeito
“A nossa maior felicidade foi ter proporcionado um grande São João para o nosso povo. Enquanto muitos municípios anunciaram que não fariam a festa, nós nos organizamos e junto com a nossa equipe montamos uma grade de atrações que agradou a todos – o povo de Araripina e os visitantes. Quero aqui aproveitar para parabenizar a equipe, aos parceiros e principalmente ao povo de Araripina pelo sucesso do São João”, destacou Alexandre Arraes.

domingo, 28 de junho de 2015

TREZE CIDADES DE PERNAMBUCO MUDAM OFICIALMENTE DE TAMANHO; QUATRO SÃO DO ARARIPE

Mudança altera população e limites municipais das cidades, o que influencia não apenas na geografia, mas, em alguns casos, no repasse pelo Fundo de Participação dos Municípios
mapa
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) anunciou a atualização da cartografia dos municípios brasileiros, o que modificou o formato e a contabilização da população de um total de 13 municípios pernambucanos. Ao todo, 206 cidades foram alteradas em 11 estados – a maior parte delas no estado da Bahia. Segundo o órgão, a mudança já foi contabilizada na estimativa populacional de 2014, levando em conta as legislações estaduais e ajustes cartográficos requeridos por pedidos encaminhados no período de maio de 2013 a abril de 2014. A maior parte das alterações foram realizadas no Nordeste, mas também foram modificados localidades nos estados do Espírito Santo e Minas Gerais (Sudeste), Mato Grosso (Centro-Oeste) e no Rio Grande do Sul (Sul).
Dessa forma, tiveram os limites municipais alterados em Pernambuco: Carpina e Paudalho, na Zona da Mata, Barra de Guabiraba, Itaíba e Bonito, no Agreste, Santa Terezinha e São José do Egito, no Sertão do Pajeú, Inajá e Manari, no Sertão do Moxotó, além de Araripina, Ipubi, Ouricuri e Trindade, no Sertão do Araripe. Todas as alterações foram feitas, inclusive a contabilização de população de certas localidades, que passam a somar habitantes para cidades vizinhas, por exemplo. (Diário de Pernambuco)

sexta-feira, 26 de junho de 2015

WESLEY SAFADÃO E FABÍOLA PAIVA ESQUENTAM A NOITE DESTA SEXTA-FEIRA DE SÃO JOÃO EM ARARIPINA

O São João de Araripina é mesmo considerado um dos melhores do interior de Pernambuco e pelos palcos principais já passaram grandes nomes da música brasileira. A noite desta sexta-feira (26) promete sacudir o Parque 03 Vaqueiros com duas grandes atrações: o cantor Wesley Safadão e a banda Garota Safada e a cantora Fabíola Paiva com a sua voz apaixonante e o repertório do melhor do forró.

A expectativa é de que mais um grande público compareça ao parque de eventos e transforme o espaço num verdadeiro caldeirão de alegria e muito forró. Wesley Safadão confirmou o seu nome no chamado forró estilizado, sendo hoje a grande referência do gênero musical. Tem uma agenda sempre muito disputada.
Fabíola Paiva retornou aos palcos depois de um período que passou cuidando de outros projetos pessoais. Os fãs pediram e ela retornou a musicalidade com muita força e as suas principais qualidades profissionais: originalidade, talento, carisma e uma voz que encanta. No show desta sexta-feira, a cantora estará gravando o seu primeiro DVD.
ACE- PMA

Alexandre Arraes destaca o sucesso do São João 2015

prefeito


prefeito1
A tradição está mantida e o São João 2015 é um grande sucesso. Durante as duas primeiras noites – 23 e 24 – uma verdadeira multidão compareceu ao Parque 03 Vaqueiros para prestigiar os shows dos artistas de renome nacional e das atrações do município. Pelos palcos principais passaram nomes como Zezo Potiguar, Gusttavo Lima, Flávio Leandro, Dorgival Dantas e muitos outros nomes.
O prefeito Alexandre Arraes está participando ativamente dos festejos juninos e durante entrevista Á Rádio Arari FM destacou o grande sucesso do evento. De acordo com o prefeito, foram feitos esforços para que a festa fosse realizada e, sobretudo que atendesse ao gosto do povo de Araripina e dos visitantes. O prefeito estava acompanhado da primeira-dama Roberta Arraes e passou por toda extensão do parque cumprimentando o povo e sentindo de perto a alegria das pessoas com o maior e melhor São João do interior de Pernambuco.
prefeito3prefeito2
Alexandre também externou o seu agradecimento à equipe da Secretaria de Cultura pelo trabalho na organização, contratação das atrações e de todo o suporte para que a festa acontecesse com esse grande sucesso.
prefeito4
O prefeito destacou ainda a força do São João de Araripina como uma ferramenta propulsora para o aquecimento da economia nos dias do evento, sobretudo os segmentos de vestuário, calçados, hotéis, bares, lanchonetes, supermercados, salões de beleza entre outros. “Ficamos felizes em poder realizar uma festa com a tradição que é o nosso São João, uma festa que é patrimônio do povo de Araripina e do Araripe. Uma festa tranquila e voltada para a alegria”, resumiu Alexandre.
ACE - PMA

Gusttavo Lima canta e encanta no São João de Araripina

gustavo lima

gustavo lima1
O cantor sertanejo Gusttavo Lima realmente confirmou o grande sucesso que faz em todo o Brasil. No palco do São João de Araripina na noite desta quarta-feira, 24, segundo dia de festa, ele simplesmente fez o Parque 03 Vaqueiros explodir de alegria e cantar as suas belas canções.
Foram pouco mais de duas horas de show em que o cantor simplesmente se reinventou no palco, onde além de cantar de forma harmoniosa é um conhecedor de vários instrumentos musicais, tais como piano, violão e guitarra.
gustavo lima2
O público presente – milhares de pessoas – foi à loucura com a originalidade do sertanejo. Gusttavo Lima integrou a lista das grandes atrações contratadas para abrilhantar o São João de Araripina.
gustavo lima3
O Secretário de Cultura, Lídio Santiago, não escondeu a alegria de puder estar conferindo de perto o grande sucesso do São João de Araripina e externou esse momento histórico que foi o show de Gusttavo Lima. “Fizemos um grande esforço para trazer Gusttavo Lima pra cantar no São João de Araripina, porque era um pedido da própria população. O resultado foi esse grande show que vai ficar na história e na memória do povo”, destacou o secretário.
ACE - PMA

SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL PROMOVE CAMPANHA “ÁLCOOL ZERO”

A Prefeitura Municipal de Araripina, através da Secretaria de Desenvolvimento Social lançou neste São João uma importante campanha que serve para alertar principalmente aos donos de bares. Trata-se da campanha “ÁLCOOL ZERO” para menores de 18 anos.
Técnicas Sociais, Conselho Tutelar e Polícia Militar estão promovendo um trabalho de conscientização com os donos de barracas de bebidas instaladas no Parque 03 Vaqueiros, distribuindo panfletos e cartazes informativos e mostrando a eles a importância do cumprimento da lei.
Idealizado pela secretária Maderleide Oliveira a campanha alerta aos donos de bares que a venda de álcool a menores de 18 anos agora é crime e quem infringe essa proibição passará a sofrer sanções pesadas.
A campanha é uma realização da Prefeitura de Araripina, OAB, Polícia Militar de Pernambuco e Conselho Tutelar.


ACE - PMA

terça-feira, 23 de junho de 2015

PT ou PSDB, tanto faz

Cláudio Humberto - Coluna Diario do Poder
Empreiteiras fizeram ricas doações a PT e PSDB
Odebrecht e Andrade Gutierrez doaram muito milhões ao dois
A mais espetacular de todas as fases da Operação Lava Jato, sexta (19), quando os poderosos chefões das empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez foram presos, não mereceu da oposição qualquer declaração mais enfática, até pela ligação dos investigados ao ex-presidente Lula. É que, como os petistas, os oposicionistas também receberam generosas doações de ambas as empreiteiras suspeitas.
Na eleição presidencial de 2014, a Andrade Gutierrez, cujo presidente está preso, deu R$ 19 milhões para Aécio e R$ 21 milhões para Dilma.
Oficialmente, a Odebrecht, cujo presidente também está preso, doou “só” R$ 6 milhões para Dilma e R$ 2 milhões para o tucano Aécio.
Carlos Sampaio (SP), Antônio Imbassahy (BA) e Aécio Neves, tucanos, não comentaram a prisão de Marcelo Odebrecht e Otavio Azevedo. 
O tucano Aloysio Nunes (SP) destaca a prisão dos empreiteiros, mas cobra: “É a primeira quadrilha sem um chefe. Será que é o Brahma?”

Lula e os pés de barro

Bernardo Mello Franco – Folha de S.Paulo
Quando Marina Silva virou favorita na tumultuada campanha de 2014, Lula confidenciou a aliados que uma derrota do PT não seria tão ruim assim. "Ruim mesmo é a Dilma ganhar e não mudar", disse, segundo o relato de um petista.
Dilma ganhou, e as coisas mudaram para pior. Ela perdeu o controle da economia, viu sua base se esfarelar no Congresso e se tornou a presidente mais rejeitada desde Collor.
Na semana passada, Lula reclamou da sucessora e disse a religiosos que os dois chegaram ao "volume morto". Ele reconheceu que Dilma mentiu para se reeleger e agora está fazendo o oposto do que prometeu.
Nesta segunda, o ex-presidente estendeu as queixas ao PT. Afirmou que o partido "está velho", "só pensa em cargo" e sucumbiu ao "cansaço". Só faltou dizer que seria melhor ter perdido a eleição do ano passado.
Lula deixou o poder como o governante mais popular da história recente. Recebeu homenagens, manteve o discurso triunfalista e foi descrito como um "Pelé no banco de reservas". Seu retorno ao Planalto parecia ser questão de vontade. Bastaria estalar o dedo para voltar nos braços do povo, como Getúlio em 1950.
A guinada no discurso sugere que o ídolo se descobriu com pés de barro. O Datafolha confirmou que ele ainda é forte, mas deixou de ser imbatível. Se a eleição de 2018 fosse hoje, teria apenas 25% dos votos.
O ex-presidente fez o desabafo aos religiosos na quinta-feira, antes de a Lava Jato atingir os chefes da Odebrecht e da Andrade Gutierrez. Seria interessante vê-lo de volta ao confessionário no dia seguinte, depois da prisão dos amigos empreiteiros.
Em março, o ex-ministro Cid Gomes caiu por apontar "300 ou 400 achacadores" na Câmara. Nesta segunda, os repórteres Natuza Nery e Ranier Bragon mostraram como um grupo de 243 deputados ameaçou o governo para arrancar a liberação de emendas. Se Cid errou, foi na conta.

Dilmistas: Lula quer se descolar da presidente

Da Folha de S.Paulo – Marina Dias e Valdo Cruz
Uma ala do governo Dilma Rousseff e também peemedebistas avaliam que o ex-presidente Lula, com suas últimas críticas direcionadas à petista, ensaia um descolamento de sua criatura para tentar sobreviver politicamente até 2018, data da próxima eleição presidencial.
Segundo assessores mais próximos à presidente, Lula já vinha insistindo na tecla de que Dilma não ouve seus conselhos e intensificou este discurso em reunião com religiosos na semana passada, quando elevou o tom das críticas à petista.
Ou seja, na avaliação de interlocutores dilmistas, Lula estaria passando a mensagem de que a responsabilidade pela atual crise política e econômica, que derrubou a popularidade da petista, é somente da presidente Dilma.
Esta ala do governo diz, porém, que se esta é realmente a estratégia de Lula, corre risco de naufragar. Um assessor lembra que o PT está numa situação pior do que o governo, que estariam unidos num processo de "corrosão".
Depois de dar razão aos tucanos nas críticas de que Dilma mentiu na campanha ao afirmar que não mexeria em direitos trabalhistas e não faria ajuste fiscal, Lula voltou à carga nesta segunda (22), criticando aliados petistas.
Segundo o ex-presidente, seus correligionários "só pensam em cargo, em emprego, em ser eleito".
Dilma ficou muito contrariada com as "observações ácidas" de Lula, que só alimentam, na avaliação de governistas, o cenário atual de crise política no país. Dentro do Palácio do Planalto, porém, a ordem é não rebater publicamente o ex-presidente e, de preferência, inclusive nos bastidores.
Dentro do governo, assessores reclamam ainda que a presidente tem buscado criar uma agenda positiva. Nesta segunda, por sinal, o ministro Joaquim Levy (Fazenda) almoçou com o senador Romero Jucá (PMDB-RR) para discutir medidas de "animação" da economia. 

sábado, 20 de junho de 2015

PERNAMBUCO - NOVO MAPA DA ESTRATÉGIA REFORÇA FOCO NOS ESTRATOS MAIS VULNERÁVEIS E NO INTERIOR


Em um grande ato realizado no Teatro Guararapes, nesta sexta-feira (19), o Governo lançou o novo Mapa da Estratégia de Pernambuco 2015-2018. O documento reúne um conjunto de diretrizes que vão orientar as ações governamentais nos próximos anos para a consolidação de um Estado mais justo na garantia das oportunidades para todos. Os focos prioritários da gestão para o período são os estratos mais vulneráveis da população e o interior. Comandado pelo governador Paulo Câmara, o evento reuniu todo o secretariado, secretários executivos, gerentes, diretores de órgãos e servidores estaduais.

"Gestão se faz com pessoas. Por isso é que é tão importante a presença dos gerentes e dos secretários aqui hoje. Os gestores são líderes em cada área de atuação. Fortalecemos o modelo de gestão, que é premiado internacionalmente. Quantas pessoas nos procuram todo mês para entender como conseguimos obter esses avanços. Essa gestão tem que continuar nos seus princípios básicos que contemplam o diálogo com o povo. Temos que ir a cada região do Estado ouvir as pessoas e entender as suas necessidades", destacou Paulo Câmara.

O governador ressaltou que as diretrizes da sua gestão seguirão os caminhos trilhados pelo ex-governador Eduardo Campos. "Eduardo me ensinou como fazer e é por isso que eu estou aqui. Ele me ensinou a tirar do papel ações que beneficiam o povo", cravou Paulo, que fez um balanço das conquistas a que os pernambucanos tiveram acesso nos últimos oito anos.

"Tiramos da pauta telhado caído e colocamos 300 escolas integrais. Tiramos da pauta a penúltima taxa de abandono do País e colocamos a escola com menor abando escolar do País. Saímos da 21ª colocação no Ideb e fomos para a 4ª colocação. Fizemos mais hospitais, unidades de pronto-atendimento. Ampliamos a cobertura de exames, consultas e cirurgias. Dobramos o número de leitos e multiplicamos por cinco o número de UTIs", enumerou Câmara.

Na segurança, segundo o governador, Pernambuco é o único Estado do Nordeste que conseguiu reduzir o número de homicídios nos últimos oito anos. "Devemos os nossos resultados à capacidade de gestão, que tem uma fórmula de trabalhar ouvindo o povo. Fizemos ainda muitas obras de infraestrutura. Avançamos na questão da água. Promovemos aqui em Pernambuco um desenvolvimento econômico jamais visto na história, com a ampliação de 600 mil postos de trabalho. Também trabalhamos para um turismo cada vez mais forte", pontuou Paulo. 

O chefe do Executivo estadual reforçou que o período difícil pelo qual passa o mundo não fará com que o Governo de Pernambuco diminua as entregas. "Eu sei, também, que estamos passando por um período complicado. Eu sou como Eduardo e não vou dar intimidade a problema. A partir de agora, problema tem que ser encarado como desafio permanente. Desafio que bate à nossa porta, nós olhamos para e ele e saímos para buscar as soluções. Não quero falar em desafio, mas, sim, em criatividade. Temos que aproveitar o momento para criar oportunidades e fazer mais com menos. É assim que nós vamos ultrapassar todos esses desafios. É assim que vamos continuar cumprindo os nossos desafios com o povo. É assim que vamos fazer com que Pernambuco continue no rumo certo", argumentou Paulo Câmara.

Durante o lançamento, antes da apresentação do Mapa da Estratégia, o secretário de Planejamento e Gestão do Estado, Danilo Cabral, elencou os resultados do Governo nos últimos oito anos e as entregas do governador Paulo Câmara nos primeiros seis meses da gestão. Ele detalhou os investimentos em educação, saúde, segurança pública, infraestrutura e desenvolvimento econômico.

“Estamos aqui para reafirmar os nossos valores, os nossos compromissos da campanha, e, sobretudo, orientar o que vamos fazer daqui para frente. Vamos construir uma nova unidade, mais forte do que foi construída nos últimos oito anos. E, de forma coletiva, dialogando com a sociedade, implementar essas políticas públicas”, afirmou o secretário.
PREMISSAS - Pelo novo Mapa, a Visão de Futuro - um Estado mais justo na garantia de oportunidades a todos - é o patamar perene e sustentável da realidade socioeconômica que o Estado pretende alcançar ao final da implantação das atividades e ações estratégicas propostas. A partir dela, o Mapa da Estratégia aponta as quatro premissas que nortearão a atual gestão: Diálogo com a Sociedade; Transparência, Responsabilidade e Controle social; Modelo Integrado de Gestão com Foco em Resultados e Parceria com Municípios.

O Mapa da Estratégia foi elaborado a partir do legado do Mapa anterior (2011-2015), de uma profunda ausculta popular realizada pelo Seminário Todos por Pernambuco, que ocorreu em março e abril, do documento de planejamento de longo prazo Pernambuco 2035 e do programa de governo do então candidato Paulo Câmara. Foram definidos 12 objetivos estratégicos, que são agrupados em torno de quatro temas estratégicos, ou perspectivas, criadas a partir dos eixos estruturantes propostos no programa de governo.

Na perspectiva Qualidade de Vida, estão os seguintes objetivos estratégicos: Pacto pela Vida; Pacto pela Saúde, Recursos Hídricos e Saneamento e Mobilidade e Urbanismo. No eixo Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, os objetivos são Cidadania Ativa e Direitos Humanos. 

Desenvolvimento Sustentável é outra perspectiva que abarca os objetivos de Infraestrutura e Competitividade; Inovação e Produtividade; Desenvolvimento Rural e Sustentabilidade. Por fim, Gestão Participativa e Transformadora é uma perspectiva que conta com um único objetivo estratégico: o Modelo Integrado de Gestão.

Essa é a terceira edição do Mapa da Estratégia. Ele foi criado por Eduardo Campos ainda em seu primeiro mandato como uma das principais ferramentas do Modelo de Gestão Todos por Pernambuco. O Mapa orienta e alinha todos os órgãos do Governo ao definir, além da visão de futuro, as premissas, os focos prioritários e os objetivos estratégicos para a gestão.

O Mapa da Estratégia é válido para cada quadriênio e será a base para a elaboração do Plano Plurianual (PPA) e da Lei Orçamentária Anual (LOA). A partir de seu lançamento, o governador dá início ao monitoramento das metas prioritárias da gestão, elencadas em cada objetivo estratégico. O primeiro ciclo de monitoramento ocorrerá entre os dias 25 de junho e 3 de julho.

De acordo com Paulo Câmara, o monitoramento da gestão possibilitará que o todo esse planejamento saia do papel de maneira mais efetiva. "Vamos executar, avaliar e corrigir, da maneira que foi feita nos últimos oito anos. Pernambuco continuará no rumo de um Estado mais justo e com oportunidades para todos. Quero dizer a cada um de vocês que o trabalho que nós vamos executar vai exigir muita dedicação. Vamos ter trabalho hoje, no outro dia mais trabalho e no outro dia mais trabalho ainda. Mas é com o trabalho que vamos fazer o que precisa ser feito. O serviço público depende de nós. A qualidade do serviço público depende das nossas ações. O povo espera da gente nada mais do que trabalho e atenção", finalizou.


Da ASCOM